A associação ambientalista Quercus alerta para os riscos da central nuclear de Almaraz, que consideram obsoleta. Este alerta tem por base o teste de resistência pedido pela Greenpeace à central nuclear espanhola.

“A central está completamente obsoleta. É uma bomba relógio que temos para a região do interior e para Portugal”, disse o responsável pelo núcleo da Quercus de Castelo Branco, Samuel Infante, citado pela Lusa.

Almaraz é uma central nuclear situada no município do mesmo nome (Cáceres). É refrigerada pelo rio Tejo. Pertence às empresas Iberdrola, Unión Fenosa e Endesa. O primeiro de dois reactores entrou em funcionamento em 1981

Greenpeace publicou ontem, dia 29, um relatório sobre a segurança das centrais nucleares na Europa. No caso de Almaraz, o relatório da Greenpeace diz que a central não deveria estar operacional por falta de segurança.

A Quercus e diversas organizações ambientalistas espanholas têm denunciado os problemas de segurança em Almaraz e exigido o encerramento da central.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Actual

Veja também

Futebol: Iniciados de “O Elvas” disputaram torneio triangular em Badajoz

A equipa de iniciados de “O Elvas” CAD participou, na manhã de sábado, dia 25 de Maio, num…