A Comissão de Protecção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Elvas promoveu segunda-feira, dia 27 de Novembro, a V Assembleia Municipal Infantojuvenil, nos Paços do Concelho.

Esta “simulação” de um plenário da Assembleia Municipal contou com a presença de 24 “deputados” de palmo e meio, dos três agrupamentos de escolas do concelho e do Colégio Luso-Britânico.

Neste acto participaram também responsáveis dos estabelecimentos de ensino, da GNR, da PSP, da ULSNA e do Centro Distrital da Segurança Social.

A Assembleia Municipal Infantojuvenil foi presidida pelo presidente da Autarquia, José Rondão Almeida, tendo orientado os trabalhos a presidente da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Elvas, Raquel Guerra.

Os petizes abordaram vários temas na ordem de trabalhos, relacionados, por exemplo, com dependência digital e saúde mental, brincar, afectos e solidariedade, não discriminação e violência, tendo, no final, os alunos apresentado algumas ideias e opiniões sobre as suas escolas.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Actual

Veja também

Olivença: Empresa espanhola vai investir em centro de produção de amêndoas

O grupo espanhol Almendras Llopis vendeu 450 hectares de terrenos agrícolas no Baixo Alent…